Você está aqui: Página Inicial > Pasta Áudio > Perfil ogg

Perfil ogg

Áudio da página Perfil do Ouvidor
Transcrição do Áudio

Perfil do Ouvidor

 O servidor público que exerce a função de ouvidor tem de estar atento às reivindicações dos cidadãos. O ouvidor deve estar sempre pronto para ouvir e estabelecer a comunicação entre o órgão público e a sociedade. Essa parceria ocorre em prol da qualidade e eficiência do serviço público.

 A missão do ouvidor é fazer os cidadãos exercerem o direito de avaliação dos serviços públicos que recebem. Isso acontece por meio da mediação da relação de pós-atendimento entre o Estado e a sociedade. O ouvidor defende os direitos e os interesses do cidadão e faz o possível para a resposta da demanda ser de forma objetiva e precisa, com integridade, transparência e respeito. Outra incumbência que o ouvidor tem é dar andamento às demandas do cidadão, observar rigorosamente as determinações legais relativas ao sigilo, em especial, dos pessoais.

 

A ouvidoria recebe a manifestação — sugestão, elogio, solicitação, reclamação ou denúncia — e o profissional de ouvidoria a encaminha ao setor competente, que responde a demanda. A Ouvidoria-Geral do Ministério da Fazenda informa que a manifestação sempre recebe tratamento, no entanto, não quer dizer que o cidadão terá o pedido atendido.  

 Ouvidor-Geral do Ministério da Fazenda

 Carlos Augusto Moreira Araujo nasceu em 1961, no Rio de Janeiro. Em 1986 formou-se em economia pela Universidade Católica de Brasília. Com mestrado em economia pela Universidade Federal da Bahia e MBA em Administração Financeira pela Fundação Getúlio Vargas atuou amplamente no serviço público. A primeira experiência ocorreu como agente administrativo na Coordenadoria Parlamentar do Ministério do Desenvolvimento, da Indústria e do Comércio, no período de 1984 a 1986.

 Ao longo da carreira, Araujo trabalhou em vários órgãos públicos: Ministério das Comunicações, Agência Nacional de Transportes Terrestres e Ministério da Integração Nacional. Cada um desses órgãos permitiu que Araujo aprendesse a mediar e conciliar as situações do cotidiano dos órgãos com as determinações legais vigentes. Em 2007, assumiu a Ouvidoria-Geral do Ministério da Fazenda com a proposta de manter a qualidade do trabalho que estava sendo desenvolvido e continuar com o compromisso de aprimorar os serviços prestados pelo órgão.

Download do Áudio